Programa

Nosso objetivo é, por meio de leituras, discussões e dinâmicas cênicas (práticas corporais aliadas a dinâmicas respiratórias, investigações espaciais, rítmicas, visuais e textuais) pensar as relações entre linguagem e corpo com vistas às transformações e produções de novos campos subjetivos.

A proposta é trabalhar no terreno que liga o pensamento de Novarina, para quem as palavras sabem muito mais da linguagem do que nós, e o de Artaud que afirma que “o teatro, assim como a palavra, tem necessidade de ser deixado livre”.